segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Ghastly Awards - A premiação para Quadrinhos de Terror

Foi anunciado a lista dos nomeados para as categorias de um dos eventos mais bacanas de quadrinhos, o Ghastly Awards 2015, uma forma de premiar os quadrinhos dedicados a Terror. A premiação existe desde 2011, fundada por Decapitated Dan, com a ajuda de Steve Banes, Mike Howlett, Lonnie Nadler e Mykal Banta; o Ghastly Awards é reconhecido pela premiação em 15 categorias diferentes de Quadrinhos de Terror. Os nomeados são escolhidos por outros quadrinistas profissionais e os ganhadores são escolhidos por um painel de jurados. Desde o começo da premiação já foram adicionados mais 4 jurados.

Começando em 2013, houve uma mudança no processo de inscrição, com os criadores de quadrinhos podendo inscrever seus livros para serem nomeados, considerando também a data de lançamento. Os 5 melhores serão eleitos pelos jurados, e depois poderão ser votados pelos jurados, autores e fãs para decidir o vencedor. O período de votação dessa edição estará aberto entre 8 de Fevereiro e 21 de Fevereiro. Para mais detalhes entrem no site: CLICANDO AQUI

Os Nomeados dessa edição são:

Melhor Título em Andamento: Crossed: Badlands (Avatar Press), Harrow County (Dark Horse Comics), Nailbiter (Image Comics), Rachel Rising (Abstract Studio), Wytechs (Image Comics)
Melhor Série Limitada: Archie x Predator (Dark House Comics), Colder: The Bad Seed (Dark Horse Comics), Dark Gods (Avatar Press), Lady Demon (Dynamite Entertainment), Strain: The Night Eternal (Dark Horse Comics)
Melhor One-Shot: 68: Bad Sign (Image Comics), The Goon: Theatre Bizarre (Dark Horse Comics), Nailbiter / Hack/Slash (Image Comics), Prolife (Duskbunnies Comics), Puppet Master Annual #1: Halloween 1988 (Action Lab/Danger Zone)
Melhor Antologia: Bloke’s Terrible Tomb Of Terror (Indy), The Creeps (Warrant Publishing), Horrere (Little O/Madius Comics), John Carpenter’s Tales for a Halloween Night (Storm King Productions), Then it was Dark (Peppermint Monster Press)
Melhor Curta História em uma Antologia: “Bunny Didn’t Tell Us” - John Carpenter’s Tales for a Halloween Night, “The Dance” - Creepy #21, “If You Go Down to the Woods Today” - Horrere Book 1, “The Jokes on You” - Bloke’s Terrible Tomb of Terror #12, “Monster” - The Creeps #3
Melhor OGN: Daomu (Magnetic Press), Hellbound (Dark Horse Comics), Junior Braves of the Apocalypse Book 1: A Brave is Brave (Oni Press), Olympus (Humanoids), Red Angel Dragnet (Eric Palicki) 
Melhor Encardenado: The Chilling Archives of Horror Comics: Ghosts and Girls of Fiction House
(IDW Publishing/Yoe Books), Creepy Presents: Alex Toth (Dark Horse Comics), Grave Business and Other Stories (Fantagraphics Books), The Kurosagi Corpse Delivery Service Omnibus Edition (Dark Horse Comics), Vampirella Archives Volume 11 (Dynamite Entertainment)

Melhor Escritor: Cullen Bunn (Army of Darkness, Harrow County, Hellbreak, The Sixth Gun), Mike Eshelman (Prolife),Terry Moore (Rachel Rising), Scott Snyder (Wytches), Joshua Williamson (Ghosted, Nailbiter) 
Melhor Desenhista: Mirka Andolfo (Lady Demon), Raymund Bermudez (ExMortis), Jorge Corona (Goners), Tyler Crook (Harrow County), Juan Ferreyra (Colder: The Bad Seed)
Melhor Colorista: Gabriele Bagnoli (Lady Demon), Gabriel Cassata (Goners), Digikore Studios (Crossed: Badlands, Dark Gods), Dan Jackson (Strain: The Night Eternal), Luca Saponti (Hellbound) 
Melhor Capa de Quadrinho de Terror: Colder: Toss the Bones #1 by Juan Ferreyra, Dark Gods #5 by German Erramouspe, Godzilla in Hell #1 - Subscription by Jeff Zornow, Harrow County #1 by Tyler Crook, The School of the Damned #5 by Alex Ronald
Introdução no Hall Da Fama: Stephen R. Bissette e Richard Corben
Homenageado com o Normanton Award: Dan Braun